Segunda-feira, 5 de Agosto de 2019

Museu Natural da Electricidade de Seia

A 6 km da cidade de Seia, a 800 m de altitude, num local particularmente agradável, nas margens do rio Alva, está instalado o Museu Natural da Electricidade. 
Trata-se da Central da Senhora do Desterro, uma das mais antigas centrais hidroeléctricas de Portugal, fruto da iniciativa de um grupo de industriais locais, que viram nas características hídricas da serra da Estrela um potencial energético que designaram por hulha branca.
Tendo sido a primeira central do Aproveitamento Hidroeléctrico da Serra da Estrela, inaugurada a 26 de Dezembro de 1909, marcou o início de actividade da Empresa Hidroeléctrica da Serra da Estrela (EHESE) e permitiu que, nessa data, a energia eléctrica chegasse a Seia pela primeira vez. 
Concebido pelo industrial António Marques da Silva foi construído, ao longo de seis décadas, um sistema de centrais hidroeléctricas em cascata, que percorrem altitudes entre os 400 e os 1600 metros e que têm os seus caudais regulados no Verão com as águas da Barragem da Lagoa Comprida, entre outras.
1907 foi o ano em que se iniciou a construção deste primeiro aproveitamento hídrico (Central da Senhora do Desterro), dos quatro existentes sobre o rio Alva. Seguiu-se-lhe em 1919 a da Ponte de Jugais, em 1937 a de Vila Cova e, mais tarde, a do Sabugueiro, empreendimentos que representaram um importante papel no desenvolvimento da electrificação regional.

Com ampliações sucessivas, a central da Senhora do Desterro, manteve-se em actividade até 1994 e, através de uma parceria entre a EDP e o Município de Seia, abriu ao público no dia 11 de Abril de 2011 transformada num espaço de fruição de memória que remonta, pois, aos primórdios da exploração da energia eléctrica em Portugal.

(texto e imagem de https://museusdaenergia.org/patrimonios/8-museu-natural-da-electricidade-de-seia )

IMG_5344.JPG

IMG_5347.JPG

IMG_5348.JPG

IMG_5349.JPG

IMG_5352.JPG

IMG_5355.JPG

_AP_6106.JPG

IMG_5356.JPG

IMG_5357.JPG

IMG_5360.JPG

_AP_6120.JPG

_AP_6118.JPG

_AP_6122.JPG

 

publicado por Adelaide Pereira às 00:38

link do post | comentar | favorito
Domingo, 4 de Agosto de 2019

Ruínas romanas da Bobadela

"As Ruínas Romanas de Bobadela são um dos mais importantes e bem preservados conjuntos arquitetónicos de valor histórico-arqueológico do “período romano” em Portugal. Este complexo de valiosíssimos vestígios do passado, disperso pelo centro histórico da aldeia de Bobadela (Oliveira do Hospital), estudado ao longo dos tempos pela comunidade científica e admirado pelos seus visitantes, mereceu há muitos anos a classificação de Monumento Nacional. Ao arco romano foi-lhe atribuída a designação de «Arco Monumental de Bobadela», ao mesmo tempo que foi classificado de Imóvel de Interesse Nacional (IIN), a 16 de junho de 1910. Mais tarde, em 15 de abril de 1936, a classificação de Monumento Nacional, foi estendida a todo o complexo, alterando-se a designação para «Ruínas Romanas de Bobadela». Entre o diversificado acervo que se encontra exposto ao ar livre, em pleno tecido urbano da bucólica aldeia, destacam-se: as remanescências estruturais da principal praça da outrora cidade romana, o forum; o majestoso arco; as epígrafes dedicadas à Splendidissima Civitas, a Júlia Modesta e a Neptuno; a enigmática cabeça de um imperador romano; e o magnífico anfiteatro.

ARCO

De “…coisa ainda dos Godos…” a “…pórtico d´algum edifício Grandioso, por quanto n´elle vemos ainda hoje dois trancadores bem formados…”, o imponente arco romano de Bobadela é, na verdade, o acesso nascente do forum. O arco de volta perfeito foi construído em grandes blocos de granito, de silharia almofadada (aparelho rústico) e assentes sem qualquer argamassa. As suas aduelas foram rematadas por uma cimalha de moldura muito simples. Os elementos arquitetónicos que compõem o arco apresentam um par de orifícios, previamente talhados em lados opostos, onde era fixado o forfex (gancho de metal empregue para elevar os pesados blocos, no momento da construção do monumento). As extremidades deste robusto “alicate” coincidiam com os dois pequenos orifícios. A pressão exercida pelo forfex sobre os orifícios permitia que os blocos de granitos fossem, deste modo, colocados no devido lugar.

IMG_5316.JPG

IMG_5318.JPG

ANFITEATRO

O anfiteatro romano de Bobadela foi utilizado desde os finais do séc. I d.C. até finais do Séc. IV d.C. como local de jogos e lutas. Era construído por uma arena elíptica, de orientação norte-sul, com um pavimento em areão grosso. O muro do podium que circundava a arena era marcado por duas entradas no seu eixo maior e constituído com fiadas de blocos de granito e rematados por uma cornija de duas peças. O enchimento da cavea (celas subterrâneas), com cerca de 15m de largura, aproveitou sempre que possível o afloramento rochoso, e sobre ele assentavam as bancadas de madeira."

IMG_5309.JPG

IMG_5313.JPG

IMG_5314.JPG

(texto de https://www.cm-oliveiradohospital)

publicado por Adelaide Pereira às 01:34

link do post | comentar | favorito

Museu do Azeite - Bobadela - Oliveira do Hospital

"O Museu do Azeite surge da ideia do olivicultor e coleccionador António Dias, hoje proprietário da Sociedade de Azeite e Destilaria Dias, Ld.ª.

Os diferentes espaços do Museu recriam contextos históricos que dão destaque às máquinas e processos criados ao longo dos séculos pelo Homem para a extracção de azeite, um óleo vegetal precioso, até sagrado, que nas suas múltiplas dimensões - alimentação, iluminação, medicina, higiene - se tornou num dos produtos agrícolas mais importantes do País, com um papel definitivo na economia de cada período histórico.
O Museu do Azeite pretende, assim, conjugar a valorização histórica e patrimonial com a fruição turística, criando um espaço de salvaguarda do património cultural, industrial e imaterial, bem como de divulgação das tecnologias de produção de azeite. É sua missão a preservação de saberes e de peças seculares específicos da nossa identidade.
Para além do espaço expositivo, o Museu do Azeite alberga também o Bar e o Restaurante “Olea”, um auditório, loja de recordações e espaços pensados para os mais novos com actividades lúdico-pedagógicas."
 

20190731_183243.jpg

20190731_183212.jpg

IMG_5250.JPG

IMG_5252.JPG

IMG_5275.JPG

IMG_5278.JPG

IMG_5281 (2).JPG

IMG_5283.JPG

IMG_5285.JPG

IMG_5287.JPG

IMG_5295.JPG

IMG_5301.JPG

IMG_5304.JPG

IMG_5307.JPG

Museu de grande interesse cultural e pedagógico, muito bem organizado, com grande riqueza de objetos expostos, explicações muito boas, com muita interatividade, num local com uma vista fabulosa.

 
publicado por Adelaide Pereira às 01:19

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

Férias

Mais uns dias de férias passados no campo.

Tempo para saborear o "estar em familia", relaxar, almoçar ao ar livre, bordar, corturar, pintar, ler... 

Toda a familia participou na Maratona de jogos de tabuleiro...

IMG_0442.JPG

IMG_0445.JPG

O Pedro fez sobremesas, Tarte de maçã, Funnel cake, ...

20170806_014842.jpg

IMG_0407.JPG

IMG_0415.JPG

 A Zá fez bolsas para telemóvel...

IMG_0440.JPG

IMG_0450.JPG

A Ana pintou e decorou caixas...

IMG_0493.JPG

IMG_0480.JPG

IMG_0487.JPG

IMG_0490.JPG

IMG_0497.JPG

IMG_0498.JPG

IMG_0501.JPG

 

publicado por Adelaide Pereira às 23:56

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Agosto de 2017

Batizado e viagem ao lugar de sonho da minha infância I

Uma quinta perto da Serra da Estrela foi o lugar onde passei todas as férias da minha infância e adolescência.

Passava onze meses do ano a sonhar com o verão e o mês de férias nesta quinta, onde viviam vários familiares.

O último fim de semana foi passado neste meu local de sonho.

No sábado tivemos o batizado e primeiro aniversário do Lourenço, afilhado da minha filha Ana e filho da minha afilhada Bela.

IMG_1335.JPG

Fui eu que bordei a toalha de batizado e decorei a vela e a concha...

_AP_2532.JPG

_AP_2560.JPG

O batizado celebrou-se na Igreja da freguesia de Travanca de Lagos.

Esta igreja tem sofrido várias reformas ao longo dos tempos. Possui uma capela lateral do séc. XIV. A capela-mor, manuelina, possui um arco cruzeiro decorado e talha do séc. XVII/XVIII. O exterior é do séc. XVIII.

_AP_2529.JPG

_AP_2519.JPG

IMG_1163.JPG

IMG_1165.JPG

IMG_1299.JPG

_AP_2525.JPG

IMG_1328.JPG

 A festa incluiu aperitivos antes da ida para a igreja, almoço, jantar e almoço do dia seguinte.

_AP_2510.JPG

_AP_2718.JPG

_AP_2762.JPG

_AP_2763.JPG

_AP_2765.JPG

_AP_2766.JPG

_AP_2768.JPG

_AP_2808.JPG

_AP_2809.JPG

 (fotos de Victor Pereira)

 

publicado por Adelaide Pereira às 09:51

link do post | comentar | favorito
Sábado, 22 de Julho de 2017

Tempo bem aproveitado

Este ano as férias vão acontecendo aos pouquinhos.

Cinco dias afastada da cidade e do trabalho, na companhia do filho Pedro e do sobrinho Zé.

Soube a pouco mas, o tempo muito bem aproveitadinho, deu para um cheirinho de várias coisas pelas quais estavamos ansiosos: Sol, caminhadas, piscina, jogos de tabuleiro, leitura, experiências culinárias, tricot, decoupage, ponto cruz, ... 

Agora é voltar ao trabalho e esperar pelos próximos dias de férias. 

20170617_205448.jpg

IMG_0090.JPG

IMG_0092.JPG

IMG_0102.JPG

IMG_0105.JPG

IMG_0124.JPG

IMG_0142.JPG

IMG_0134.JPG

IMG_0138.JPG

IMG_0139.JPGIMG_0143.JPG

 IMG_0148.JPG

IMG_0150.JPG

IMG_0153.JPG

 

Tags: ,
publicado por Adelaide Pereira às 22:31

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 21 de Julho de 2017

Centro de Interpretação da Batalha do Vimeiro

Centro de Interpretaçaõ da Batalha do Vimeiro...

IMG_0069.JPG

IMG_0075.JPG

 

_AP_2430.JPG

Projétil de canhão encontrado num terreno agrícola pelo nosso amigo Sr. Vasco...

_AP_2431.JPG

 Jogos de guerra napoleónicos...

_AP_2434.JPG

_AP_2435.JPG

_AP_2437.JPG

_AP_2453.JPG

 (fotos de Victor Pereira)

 

Tags: , ,
publicado por Adelaide Pereira às 17:07

link do post | comentar | favorito

Feira oitocentista - Vimeiro

A seguir à recriação da Batalha, visitamos a feira oitocentista...

_AP_2391.JPG

_AP_2399.JPG

_AP_2424.JPG

_AP_2442.JPG

_AP_2451.JPG

20108669_1411795485524366_4230942578166924603_n.jp

IMG_0058.JPG

IMG_0061.JPG

IMG_0065.JPG

_AP_2444.JPG

IMG_0077.JPG

IMG_0081.JPG

IMG_0084.JPG

 (fotos de Adelaide Pereira e Victor Pereira)

publicado por Adelaide Pereira às 16:58

link do post | comentar | favorito

Recriação Histórica da Batalha do Vimeiro

Na manhã de domingo, dia 16 de julho, fizemos uma visita histórica ao Vimeiro.

Assistimos à Recriação Histórica do Assalto à Igreja e ao combate pelas ruas do Vimeiro.

Ao som dos canhões, a história da Batalha do Vimeiro, ocorrida a 21 de agosto de 1808, foi contada e representada.

_AP_2162.JPG

_AP_2163.JPG

_AP_2183.JPG

_AP_2193.JPG

_AP_2214.JPG

_AP_2264.JPG

_AP_2299.JPG

_AP_2356.JPG

_AP_2357.JPG

_AP_2360.JPG

_AP_2364.JPG

_AP_2365.JPG

_AP_2366.JPG

_AP_2367.JPG

_AP_2368.JPG

_AP_2371.JPG

_AP_2372.JPG

_AP_2376.JPG

_AP_2386.JPG

 

_AP_2387.JPG

 (fotos de Victor Pereira)

 

Tags: ,
publicado por Adelaide Pereira às 16:29

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 7 de Setembro de 2015

Fim de férias!

Terminaram os dias de férias!

Está oficialmente iniciado o novo ano letivo!

Os meus pestinhas esperam por mim!

IMG_3126.JPG

Tags:
publicado por Adelaide Pereira às 21:50

link do post | comentar | favorito

Pulseiras

Algumas tardes de férias foram dedicadas à bijutaria.

As pulseiras feitas pela minha filhota Ana:

IMG_3133.JPG

IMG_3135.JPG

IMG_3148.JPG

IMG_3153.JPG

IMG_3159.JPG

IMG_3161.JPG

A pulseira feita meu sobrinho João:

260820151674.jpg

260820151678.jpg

E as pulseiras feitas pela minha irmã Zá:

IMG_3216.JPG

IMG_3257.JPG

 As minhas pulseiras irei mostrando a seu tempo pois a maioria já têm destinatário! 

publicado por Adelaide Pereira às 21:45

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 3 de Setembro de 2015

Puzzles

Quando os meus filhos eram crianças passei muitas horas a construir puzzles com eles.

Eram momentos maravilhosos que passavamos juntos, descontraidos, a fazer algo de que todos gostamos!

Nestas férias revivi esses momentos construindo dois puzzles com a Ana...

IMG_3118.JPG

IMG_3125.JPG

 

publicado por Adelaide Pereira às 15:58

link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 31 de Agosto de 2015

Sobremesas em tempo de férias

Os três primos: Pedro, Ana e Zé, aproveitaram as férias juntos para realizar algumas sobremesas para as refeições familiares:

200820151668.jpg

260820151680.jpg

260820151682.jpg

 

publicado por Adelaide Pereira às 00:17

link do post | comentar | favorito

Passeio por Óbidos

IMG_3005.JPG

IMG_3007.JPG

IMG_3008.JPG

IMG_3009 (2).JPG

IMG_3011.JPG

IMG_3013.JPG

IMG_3021.JPG

IMG_3024.JPG

IMG_3050.JPG

IMG_3053.JPG

IMG_3056.JPG

IMG_3004.JPG

IMG_3043.JPG

 

 

publicado por Adelaide Pereira às 00:03

link do post | comentar | favorito
Domingo, 30 de Agosto de 2015

A Casa dos Sonhos - Liz Fenwick

 

Poderá uma casa sarar um coração destroçado?

 

Quando a artista Maddie herda uma casa na Cornualha, logo após a morte do marido, ela espera que isso seja o novo começo de que ela e enteada Hannah precisam desesperadamente.

Trevenen é linda, mas negligenciada, uma casa rica em história. Maddie está encantada com ela e determinada a saber o máximo sobre o seu passado. Quando descobre as histórias das gerações de mulheres que viveram lá antes, Maddie começa a sentir que a sua vida está de alguma forma ligada àquelas paredes.

Mas o sonho de Maddie de uma vida tranquila no campo está muito longe da realidade que enfrenta. Ainda a lutar com a sua dor e com Hannah, Maddie é incapaz de encontrar inspiração para a sua pintura e percebe que pode enfrentar a perspectiva de ter de vender Trevenen, agora que começou a amá-la.

E enquanto Maddie e Hannah desvendam o passado de Trevenen, a casa revela segredos que ficaram ocultos durante gerações.

Um livro maravilhoso cheio de romance e mistério.

 

Nomeado para o prémio Joan Hessayon da Romantic Novelist Association

 

Um livro sobre a perda, decisões equivocadas, desgosto e mudança, mas também sobre esperança, segredos há muito guardados

e amizades formadas entre as pessoas mais improváveis...

 

 

Tendo crescido em Boston, Liz cedo descobriu que os seus melhores amigos podiam ser livros. Enquanto esperava entrar em Harvard, mudou-se para Londres para ver se a vida parecia diferente do outro lado do Atlântico. E parecia. Em breve se apaixonou e casou com um inglês. Doze anos e nove mudanças de casa mais tarde, ela reside agora no Dubai com o marido e os três filhos.

(texto e imagens de oficina do livro.pt)

 

Adorei! Maravilhoso!

 

 

 

publicado por Adelaide Pereira às 22:35

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.Bem vindos ao meu blog!!!

.pesquisar

 

.Maio 2021

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Férias!

. Férias!!!

. Serra da Estrela

. Penalva de Alva - Oliveir...

. Foz de Égua - Arganil

.arquivos

. Maio 2021

. Abril 2021

. Março 2021

. Fevereiro 2021

. Janeiro 2021

. Dezembro 2020

. Novembro 2020

. Outubro 2020

. Setembro 2020

. Agosto 2020

. Julho 2020

. Junho 2020

. Maio 2020

. Abril 2020

. Março 2020

. Fevereiro 2020

. Janeiro 2020

. Dezembro 2019

. Novembro 2019

. Outubro 2019

. Setembro 2019

. Agosto 2019

. Julho 2019

. Junho 2019

. Maio 2019

. Abril 2019

. Março 2019

. Fevereiro 2019

. Janeiro 2019

. Dezembro 2018

. Novembro 2018

. Outubro 2018

. Setembro 2018

. Agosto 2018

. Julho 2018

. Junho 2018

. Maio 2018

. Abril 2018

. Março 2018

. Fevereiro 2018

. Janeiro 2018

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

.Tags

. todas as tags

.links

.Selinhos recebidos

.Velas acesas, uma por cada um dos membros da minha família, pela paz, e para que se acabem todos os tipos de maus tratos no Mundo!!

.As minhas afilhadas de blog: - Nélia - Arte das Manas / - Teresa - Artxike

blog da Nélia
blog da Teresa

.Leilão Forumeiros

Leilão Forumeiros
blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub